terça-feira, 10 de maio de 2016

Construindo um regulamento à lei do transístor

Valores


 A vida imita o xadrez como dizia Garry Kasparov no título de um livro, da mesma forma que outras frases deveriam ser válidas.
A disciplina é o oposto da anarquia.
A humildade é outro valor.
A perseverança é algo importante tanto para um programador como para um líder.
Veja as páginas 2 e 3 do livro “Programação com classes em C++”, segunda edição actualizada, da editora FCA, do autor Pedro Guerreiro .






https://images.portoeditora.pt/getresourcesservlet/image?EBbDj3QnkSUjgBOkfaUbsOO1PkcorE7ouH4GdCRFtw72Xsr1%2Fcg16nqgJxLv%2FUyO&width=440
Excertos interessantes na forma de pensar dessas páginas
“A disciplina é uma das qualidades fundamentais de um programador, seja em que linguagem for. Um programador indisciplinado, mesmo que genial, é de pouca utilidade para uma equipa de desenvolvimento de software. Ora o C++ é uma linguagem boa para cultivar a disciplina na programação.”
“A linguagem C++, por ser complexa, ensina-nos a ser humildes, a aceitar as nossas limitações, a respeitar os outros, a nunca partir do principio de que programar é fácil. A humildade é outra das qualidades fundamentais de um programador.”
“O C++ é bom para educar a perseverança. A linguagem é difícil e só chegaremos ao fim se formos teimosos, corajosos perseverantes. Caso contrário, ficaremos talvez com umas “luzes”, mas não programaremos verdadeiramente em C++.”
Não posso negar os meus fundamentos base, senão estaria a mentir e isso poria em causa este blog.
Humildade implica ainda ter vontade de aprender e estar sempre aberto a novas experiências.
Se a humildade é um valor tão importante, basta ver como isso justifica a importância de estatutos nas universidades ou definição de cargos em empresas, por que os indivíduos passam a conhecer os seus próprios limites.

Sem comentários:

Publicar um comentário